Arquivo | outubro 2012

Cacto é boa opção para quem gosta de plantas, mas esquece de cuidar delas

Se você gosta de plantas, mas não tem muito tempo para cuidar delas e acaba esquecendo até de regá-las, uma boa opção é uma jardineira de Cactos.

É bem simples. Podemos adquirir pequenos exemplares em qualquer supermercado ou em lojas especializadas. Como são plantas de áreas desérticas, elas se adaptam a qualquer tipo de solo, mas é importante que sejam plantadas em um local onde a água escoe, evitando que a raiz apodreça.

Após escolher o vaso – de plástico ou cerâmica – coloque no fundo uma camada fina de pedrinhas ou cascalho e cubra com terra, de preferência, adubada. Retire delicadamente os cactos dos vasinhos e, após fazer buracos na terra, coloque as plantinhas no vaso definitivo.

É bom lembrar que os cactos têm espinhos, por isso, use luvas.

Podemos depositar plantas de tamanhos diferentes num mesmo vaso, colocando sempre as maiores primeiro, pressionando para que a planta fique firme. Borrife a terra com água morna. Repita sempre que o solo estiver muito seco.

Dica – Você pode decorar seu vaso de cactos com pedrinhas brancas e, se tiver crianças
em casa, coloque bonequinhos.

Curta Flores de Lulu no Facebook
Siga o @FloresdeLulu no Twitter
Mande críticas e sugestões para floresdelulu@gmail.com

Anúncios

'Margaret Mee e a Flor da Lua' é destaque na Mostra Internacional de Cinema de SP

Um dos destaques do 36ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo é o longa
‘Margaret Mee e a Flor da Lua’, da diretora Malu de Martino (leia entrevista dela abaixo), produção conjunta da Eh Filmes e Umana Comunicação.

O longa conta a história da britânica, artista plástica e botânica, por meio das belezas da Amazônia, e capta o desabrochar da Flor da Lua, onde ela nasce e morre, tudo em uma mesma noite. Margaret Mee morou por 36 anos no Brasil e se dedicou às riquezas da floresta, à defesa da ecologia à preservação da natureza.

Qual a sua expectativa sobre a repercussão do filme no festival?
Malu De Martino – A Mostra São Paulo é uma vitrine muito importante. Espero poder mostrar o filme para o maior numero de pessoas. Neste sentido, os festivais e mostras contribuem muito para filmes como Margaret Mee e a Flor da Lua, porque documentários têm uma atenção meio reduzida no que diz respeito ao circuito comercial.

Como tem sido a reação do público?
Malu De Martino – É ótima (você deve ter visto o comentário do Merten no Estadão). As pessoas se emocionam ao conhecer a Margaret e a história da Flor da Lua. Fiquei muito feliz com a reação no Festival do Rio. Espero poder repetir isso na Mostra SP. Todo mundo que é ligado nas questões de preservação e conservação da natureza, em especial a flora, se comove com o filme.

O que motivou a produção do filme?
Malu De Martino – Pense numa senhorinha de 79 anos num barco no meio do Rio Negro procurando uma flor que só nasce à noite, numa só noite nasce e morre, somente numa determinada época do ano. Parece curioso? Desafiador? Aí está a minha motivação, um desafio e uma clara mensagem de garra e pioneirismo.

‘Margaret Mee e a Flor da Lua’ será apresentado nos seguintes dias:
25/10 às 19h40: Reserva Cultural – Av. Paulista, nº 900
26/10 às 14h00: Livraria Cultura – Av. Paulista, nº 2.073
01/11 às 20h45: Espaço Itaú de Cinema – Rua Frei Caneca, º 569 – 3º piso

A ’36ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo’ é realizada entre os dias 19 de outubro e 1º de novembro. São mais de 340 filmes e diversos pontos da capital paulista.

Curta Flores de Lulu no Facebook
Siga o @FloresdeLulu no Twitter
Mande críticas e sugestões para floresdelulu@gmail.com

Cultive lavanda em sua casa e mantenha os ambientes tranquilos e perfumados

Como são lindos os campos de lavanda, não é mesmo? Se fecharmos nossos olhos, podemos imaginar algumas plantas de tonalidade lilás e o aroma delicado, em uma área que se estende até o horizonte. E que tal termos o nosso próprio campo de lavandas ou, de uma forma mais modesta, criarmos em casa um espacinho só para elas?

Durante a 15ª Fiaflora ExpoGarden, em um bate-papo com a paisagista Margareth Linhares, da cidade de Itatiba, interior de São Paulo, ‘Flores de Lulu’ recebeu dicas de cultivo e também dos cuidados especiais que devemos ter com a planta.

Margareth Linhares (Foto: Luiz Alexandre Souza Ventura/AE)

 

Como cultivar lavanda?
Margareth Linhares: A lavanda é uma planta extremamente simples e de florada abundante, que pode ser plantada durante o ano inteiro. Ela não gosta de terra encharcada e se desenvolve melhor na terra aerada. Se adaptada muito bem na nossa região (Sudeste), de clima temperado. Aqui não temos o sol constante do Nordeste e nem o frio árido do Sul.

Qual o melhor local para plantio? Vasos ou no solo?
Margareth Linhares: Tanto faz. A lavanda pode ser plantada no solo ou em vasos, de preferência de barro ou cimento. O ideal é colocar casquinhas de pinos ou outros substratos que mantenham a planta úmida nos vasos. A terra úmida e aerada torna as plantas mais saudáveis.

Quais são os benefícios da lavanda?
Margareth Linhares: Além do perfume, a Lavanda ou Alfazema, como é conhecida no Brasil, pode ser utilizada também como fonte medicinal analgésica, sedativa, antiinflamatória, antiséptica, relaxante e calmante. Além disso, a cor lilás já é ‘calma’ e isso ajuda.

O que nunca pode ser feito com a lavanda?
Margareth Linhares: A planta gosta de sol, pelo menos de 3 a 4 horas diariamente. Para quem tem gato ou cachorro, é aconselhável cuidado porque eles podem destruí-las. Também não é bom colocar pedras ao redor da planta, se estiver no jardim, porque o calor pode queimar a lavanda. O ideal é usar argila ou casca de pinos.

Você tem alguma dica para uso da lavanda dentro de casa?
Margareth Linhares: A lavanda pode ser utilizada com um aromatizador natural. Em uma garrafa de álcool, colocamos um punhado de flores e deixamos descansar durante 20 dias. Após esse período, pode ser usado como um desinfetante natural, deixando o ambiente perfumado.

Como é feita a poda da lavanda?
Margareth Linhares: A poda deve ser feita a partir de três dedos acima da bifurcação de cada talo. Esse processo faz com que a planta tenha cada vez mais força. O outono é a melhor época para a poda. Quem gosta da planta baixa pode cortar e que ela volta a brotar com tranquilidade. Já para os que preferem os arbustos, eles crescem cerca de 1 metro a 1 metro e meio de altura. Devem também ser feitas adubação e colocação de substratos. Agindo dessa forma, quando a primavera chegar, ela rebrotará e estará com força total.

Como fazer para replantar a lavanda?
Margareth Linhares: É muito fácil. Basta retirar do vaso apertando onde ela está e colocar em outro, de preferencia cerâmico, já preparado para o plantio, com a terra do local onde a planta estava, misturando com a nova terra.

Curta Flores de Lulu no Facebook
Siga o @FloresdeLulu no Twitter
Mande críticas e sugestões para floresdelulu@gmail.com

São Paulo recebe a maior feira de negócios do setor de flores da América Latina

Quem está em São Paulo entre os dias 6 e 9 de outubro, gosta de flores, jardinagem e tudo o que envolve o setor, pode aproveitar para visitar a maior feira de negócios deste segmento na América Latina: a ’15ª Fiaflora ExpoGarden’, que ocupa o setor oeste do Pavilhão de Convenções do Anhembi, na zona norte da capital paulista. No ano passado, cerca de 31 mil pessoas visitaram o evento, que teve participação de 18 países, além de representantes de todo o Brasil, segundo a organização.A entrada é gratuita.

Um dos destaques são as Rosas do Deserto, suculentas da família Apocynaceae, apresentadas pela Estância Vitória, de Rondônia. A planta tem mais de 500 tipos e nesta edição da Fiaflora serão lançadas na cor lilás, além das flores com pétalas duplas  e triplas.

“Rosas do Deserto suportam sol forte e armazenam água”, diz a produtora Teresa Cordeiro

 

Também chegam à exposição em 2012 as Mini Orquídeas, flores importadas com tamanho entre 1,5 e 3 centímetros. Apresentada pela BR Orquídea, produtora de São Manoel, cidade da região de Bauru, no interior paulista, a planta tem uma grande variação de tonalidades.

Neste ano, participam 200 expositores nacionais e internacionais. Junto com a exposição são realizados o ’15º Congresso Brasileiro de Paisagismo – Propostas para as Cidades’, a ’15ª Mostra de Paisagismo – Soluções para Pequenos Espaços’, o ‘Espaço Natureza Viva’, ‘Espaço Design Floral’ e o ‘Fórum Nacional de Oportunidades Comerciais (FOCO)’.

Serviço:
15ª FIAFLORA EXPOGARDEN
Data: 06 a 09/10/2012
Horário: 13h às 21h
Local: Pavilhão de Exposições do Anhembi (setor oeste)
Endereço: Av. Olavo Fontoura, nº 1.209 – Santana
Informações: (11) 3845-0828
ENTRADA GRATUITA
Estacionamento no Anhembi: R$ 30,00

Curta Flores de Lulu no Facebook
Siga o @FloresdeLulu no Twitter
Mande críticas e sugestões para floresdelulu@gmail.com